Cirurgia "Sem Traumas"

Segundo o Dr. Jorge dos Santos da Silva, diretor clínico do Hospital das Clínicas, de São Paulo, a maior parte das 6.500 cirurgias realizadas por ano no hospital são relacionadas a traumas sofridos em acidentes de trânsito. Para um tratamento assertivo dos pacientes é necessário, além da experiência do corpo clínico, contar com tecnologias médicas de ponta nos centros cirúrgicos. 


É aí que a GE Healthcare aparece, com equipamentos médicos que facilitam o trabalho dos profissionais que atuam no centro cirúgico, ao oferecer desde monitores para acompanhar os sinais vitais do pacientes até equipamentos que administram de forma precisa a anestesia inalatória. A GE provê, ainda, tecnologias para orientar os cirurgiões durante os procedimentos, os arcos cirúrgicos.


Esses equipamentos realizam a aquisição de imagens do corpo humano durante a cirurgia, monitorando em tempo real a área afetada e guiando o médico. Eles são usualmente utilizados em procedimentos vasculares, implantes de marca-passos e também em cirurgias de ortopedia, segmento que vem crescendo no Brasil por conta de fatores como acidentes de trânsito. Com isso em mente, a GE Healthcare anunciou, nesse mês, o aumento de 25% de sua produção nacional de arcos cirúrgicos, trazendo para os brasileiros novas tecnologias de ponta que ajudarão a cuidar da saúde da população.